sexta-feira, 24 de agosto de 2007

Corno indenizado

Nota publicada na edição do dia 24/8/07 do Jornal A Notícia

Minas Gerais

Mulher que traiu pagará indenização

Uma mulher terá de indenizar o ex-marido por traição. O Tribunal de Justiça de Minas Gerais definiu em R$ 15 mil a indenização que a auxiliar de escritório vai ter de pagar ao antigo cônjuge por danos morais. O processo foi movido porque o homem descobriu que não era pai biológico da filha que nasceu durante o casamento. O exame de DNA confirmou a traição. A mulher alegou que só soube que o marido não era o pai após o resultado do teste de DNA, o que foi contestado pelo ex-marido. Segundo o autor da causa, ela teria escondido a partenidade da criança de propósito.

Se a moda pega...

Um comentário:

Maria Quitéria disse...

O golpe da barriga acho que é um dos mais velhos do mundo, mas o golpe da barriga no cara que não tem nada com ela (a barriga), é muita sacanagem...rs.