quinta-feira, 20 de dezembro de 2007

B

a
l
a

p e r d i d a


Em menos de um segundo
Perdeu seu mundo
No surdo estampido
Ficou mudo
De corpo caído
Moribundo
Destino traído
No chão imundo
Do sangue escorrido
Tudo perdido
Em menos de um segundo

Um comentário:

Ricardo Rayol disse...

nada como um segundo para mudar uma vida.